Tag Archive: docker

Desde 2006 o site glufke.net estava hospedado na mesma provedora. O caso é que partir de 2018 os custos aumentaram quase 200% devido uma “reestruturação e outras coisas”. (Até hoje não entendi como que o preço pode aumentar, sendo que a conexão e storage são cada vez mais baratos).

Pois bem, foi nessa época, que surgiu esse tweet abaixo:

Coisas novas estavam para acontecer!

Infelizmente, a notícia que houve o aumento de preço veio de última hora e acabei não tendo tempo de testar as outras opções. E tive que renovar mais um ano com a antiga provedora.

Já em 2019, acabei me aprofundando mais nos diversos serviços presentes no Amazon Web Services. Acabei entendendo como funciona o EC2 / S3 / Route53, etc. E após configurar e apagar várias instâncias, acabei optando por um server definitivo. Isso é uma coisa legal de se trabalhar na nuvem: Você cria e destrói uma instância com poucos clicks.

Além disso, tinha outra coisa que estava na minha cabeça já fazia um tempo: Docker! Como na minha antiga provedora, eu não tinha acesso total ao server, cada vez que eu precisava de um aplicativo X ou Y, eu tinha que abrir um ticket e solicitar a instalação. Em outras palavras, sem chances de testar coisas como Docker. Nunca iam aprovar.

Agora as coisas eram diferentes!

Instalei o docker e da mesma forma que eu testei e destruí várias instâncias, acabei criando e apagando diversos containers. Até que chegou o ponto que tudo estava aparentemente “estável” e foi aí que houve a mudança do DNS para a “nova casa AWS”, usando 3 containers separados.

Como agora a responsabilidade de manter tudo é 100% minha (ou seja, não tem a provedora pra fazer backups, pra abrir ticket, etc), acabei me preocupando bem mais com as questões de backup e eventos do server:

– A maioria dos eventos está sendo enviada pro meu celular via Direct Message no twitter, usando API.
– Os backups estão sendo feitos de forma automática e enviados para outra nuvem automaticamente.
– O controle de versão de tudo está no github, em um repositório privado.

Por que tudo isso?

É claro que o aumento de preço da antiga provedora foi o que mais influenciou para que essa mudança ocorresse. Digamos que foi o pontapé inicial para se “cogitar” mudar tudo. Depois disso, o que mais motivou a ida para o AWS e Docker foi a curiosidade de aprender como essas tecnologias funcionam. Eu poderia ter simplesmente encontrado outra provedora como a primeira, mas, porque não tentar algo diferente?

Eu continuo fazendo ajustes e melhorias. Recentemente começamos a testar um sistema novo de anúncios no site, basicamente para ajudar nos custos de hospedagem, e com isso manter essa base de conhecimento ativa.

Obrigado a todos que participam tirando as dúvidas da comunidade!