Pegar arquivo em diretorio automaticamente

Dúvidas, dicas e truques de PL/SQL. Aqui também vão assuntos relacionados a pacotes, triggers, funções, Java-Stored Procedures, etc
Responder
numerus
Rank: Analista Júnior
Rank: Analista Júnior
Mensagens: 71
Registrado em: Seg, 23 Mai 2011 11:56 am
Localização: SP

Ola galera, preciso criar uma procedure ou package para ir em um determinado diretorio carregar um arquivo e processar este arquivo atravez de um job.
alguém tem algum codigo para isso? Ir no diretorio e pegar este arquivo tipo;
dir: \\oracle\out\arquivo.txt

um abraço
diegolenhardt
Moderador
Moderador
Mensagens: 1177
Registrado em: Qui, 15 Out 2009 10:28 am
Localização: Recife

primeiro passo seria você fazer uma procedure,

que faca o processamento do seu arquivo com UTL_FILE. (no fórum tem varios exemplos).

depois que ela estiver pronta, passe para o JOB ou SCHEDULE
DBMS_JOB, DBMS_SCHEDULE.
numerus
Rank: Analista Júnior
Rank: Analista Júnior
Mensagens: 71
Registrado em: Seg, 23 Mai 2011 11:56 am
Localização: SP

então eu pesquisei aqui, mas não achei nada... com utl_file oesquisei com este nome;
valeu pela atenção...
Trevisolli
Moderador
Moderador
Mensagens: 2016
Registrado em: Qua, 12 Jan 2005 3:25 pm
Localização: Araraquara - SP
Abraço,

Trevisolli
OCA Oracle PL/SQL Developer Certified Associate
OCP Oracle Forms Developer Certified Professional
Araraquara-SP

Brother, beleza?

Cara, isso envolve a criação também de Directories (Caso não esteja criado), etc.
Porém, segue um trecho abaixo:

Selecionar tudo

  1: -- cria diretorio   
  2: create or replace directory DIR_PROGRAMERO as 'C:\PROGRAMERO';   
  3: -- concede permissão de escrita e leitura para nosso usuário   
  4: grant read, write on directory DIR_PROGRAMERO to PROGRAMERO;
Escrever no arquivo:

Selecionar tudo

 1: declare
  2:   -- nosso handler
  3:   v_arq utl_file.file_type;
  4: begin
  5:   -- diretório oracle, nome do arquivo, w indica escrita
  6:   v_arq := utl_file.fopen('DIR_PROGRAMERO' , 'programero.txt', 'w'); 
  7:   -- escrevemos duas linhas no arquivo
  8:   utl_file.put_line(v_arq,'Primeira linha !'); 
  9:   utl_file.put_line(v_arq,'Segunda linha !'); 
 10:   -- e finalmente fechamos o arquivo
 11:   utl_file.fclose(v_arq);
 12: end;
Ler de um arquivo (que é o teu caso):

Selecionar tudo

 1: declare
  2:   -- nosso handler
  3:   v_arq utl_file.file_type;
  4:   -- recebe a linha lida do arquivo
  5:   v_txt varchar2(200);
  6: begin
  7:   -- diretório oracle, nome do arquivo, r indica leitura
  8:   v_arq := utl_file.fopen('DIR_PROGRAMERO' , 'programero.txt', 'r'); 
  9:   -- loop de leitura
 10:   loop
 11:     -- pega linha do arquivo
 12:     utl_file.get_line(v_arq, v_txt);
 13:     -- imprime
 14:     dbms_output.put_line(v_txt);
 15:   end loop;
 16: exception  
 17:   when NO_DATA_FOUND then
 18:     -- quando não existirem mais linhas no arquivo o mesmo é fechado
 19:     utl_file.fclose(v_arq);
 20: end;
Fonte: Site do Programero

Qualquer coisa, manda pra gente.
numerus
Rank: Analista Júnior
Rank: Analista Júnior
Mensagens: 71
Registrado em: Seg, 23 Mai 2011 11:56 am
Localização: SP

Trevisolli valeu pela estrutura...
MAs.. então precisa saber como carrego os arquivos dentro do diretorio... mas sem um nome fixo;
por exemplo:
cai no diretorio o arquivo:
nome_do_arquivo19102011_1.txt
ai hoje mesmo vem nome_do_arquivo19102011_2.txt ou amanha nome_do_arquivo20102011_1.txt
tem alguma ideia?
diegolenhardt
Moderador
Moderador
Mensagens: 1177
Registrado em: Qui, 15 Out 2009 10:28 am
Localização: Recife

uma vez fiz um esquema, que utilizava isso:

http://www.chrispoole.co.uk/tips/plsqltip2.htm

funcionou legal... SYS.DBMS_BACKUP_RESTORE.searchFiles(pattern, ns);

no link que passei tem um exemplo...

ai no final eu renomeava o arquivo pra saber que já tinha importado tal arquivo,
numerus
Rank: Analista Júnior
Rank: Analista Júnior
Mensagens: 71
Registrado em: Seg, 23 Mai 2011 11:56 am
Localização: SP

e coo você renomeava o arquivo???
não entendi nada destes escripts que você me passou nunca vi estes dbmssssss_backup_restore.... rs
ele já esta fazendo isso? como ele renomeia que nome?
diegolenhardt
Moderador
Moderador
Mensagens: 1177
Registrado em: Qui, 15 Out 2009 10:28 am
Localização: Recife

pra renomear usa o UTL_FILE,

pode remover tambem depois..
numerus
Rank: Analista Júnior
Rank: Analista Júnior
Mensagens: 71
Registrado em: Seg, 23 Mai 2011 11:56 am
Localização: SP

beleza quando terminar mando o result valeu!
diegolenhardt
Moderador
Moderador
Mensagens: 1177
Registrado em: Qui, 15 Out 2009 10:28 am
Localização: Recife

infezlimente o plsql que eu fiz eu não tenho mais, ficou na empresa que trabalhava, não copiei,

não tenho costume de copiar as coisas...

=/
numerus
Rank: Analista Júnior
Rank: Analista Júnior
Mensagens: 71
Registrado em: Seg, 23 Mai 2011 11:56 am
Localização: SP

fala...
então esta m***a ta fogo quando não é um erro é outro....
Esta dando erro de invalid operation.... to fazendo alguma m***a?

Selecionar tudo

vInHandle utl_file.file_type;
 vNewLine  VARCHAR2(250);
   
   declare   
      BEGIN
  vInHandle := utl_file.fopen('PS_TRANS_FILES', '20111016.txt', 'R');
  LOOP
    BEGIN
      utl_file.get_line(vInHandle, vNewLine);
      dbms_output.put_line(vNewLine);
    EXCEPTION
      WHEN OTHERS THEN
        EXIT;
    END;
  END LOOP;
  utl_file.fclose(vInHandle);
  
        BEGIN
                  --UTL_FILE.fremove ('PS_TRANS_FILES', '20111016.txt');
                  UTL_FILE.frename (src_location       => 'PS_TRANS_FILES',
                                    src_filename       => '20111016.txt',
                                    dest_location      => 'PS_TRANS_FILES',
                                    dest_filename      => '20111016.txt.ok');
        END;
end;
diegolenhardt
Moderador
Moderador
Mensagens: 1177
Registrado em: Qui, 15 Out 2009 10:28 am
Localização: Recife

o erro da na hora de renomear?

você tem permissao pra renomear o arquivo?

(usuario oracle no linux)
numerus
Rank: Analista Júnior
Rank: Analista Júnior
Mensagens: 71
Registrado em: Seg, 23 Mai 2011 11:56 am
Localização: SP

meu velho não sei.... como posso fico sabendo?
numerus
Rank: Analista Júnior
Rank: Analista Júnior
Mensagens: 71
Registrado em: Seg, 23 Mai 2011 11:56 am
Localização: SP

o proprio arquivo dentro do unix estava sem permissao para renomear e deletar. valeu
leandromiranda87
Rank: Programador Pleno
Rank: Programador Pleno
Mensagens: 43
Registrado em: Ter, 20 Mar 2012 11:37 am
Localização: Campinas
Leandro L. Miranda

Olá todos,

Estou passando pelo mesmo problema do numerus. Se possível, tem um exemplo pra postar aqui, o link citado anteriormente não está mais ativo.

Obrigado
leandromiranda87
Rank: Programador Pleno
Rank: Programador Pleno
Mensagens: 43
Registrado em: Ter, 20 Mar 2012 11:37 am
Localização: Campinas
Leandro L. Miranda

Olá,

Solucionei o problema com alguns exemplos encontrados na net. Fiz algumas adaptações ao meu problema.

Primeiro alterei a VIEW 'XKRBMSFT' para que ela contivesse o nome dos arquivos que estiverem no diretório de escolha:

Selecionar tudo

CREATE OR REPLACE VIEW XKRBMSFT AS
SELECT "ADDR",
       "INDX",
       "INST_ID",
       "FTYPE_KRBMSFT",
       "FLAGS_KRBMSFT",
       "DBID_KRBMSFT",
       "DBNAME_KRBMSFT",
       "FNAME_KRBMSFT",
       "FNO_KRBMSFT",
       "ROWNO_KRBMSFT",
       "RECID_KRBMSFT",
       "STAMP_KRBMSFT",
       "SIZE_KRBMSFT",
       (SUBSTR(FNAME_KRBMSFT, INSTR(FNAME_KRBMSFT, '\', 1, 2)+1)) "FNAME_ARCHIVE"

FROM X$KRBMSFT;

Essa view é utilizada no procedimento abaixo, que também convoca uma outra procedure para efetuar a inserção dos códigos XML em uma tabela:

Selecionar tudo

create or replace PROCEDURE list_directory
 (directory VARCHAR2)
 IS
     ns          VARCHAR2(1024);
     v_directory VARCHAR2(1024);
     
     CURSOR C_ARCHIVE_NAMES IS
     SELECT FNAME_ARCHIVE 
     FROM XKRBMSFT;
     
     R_ARCHIVE_NAMES C_ARCHIVE_NAMES%ROWTYPE;
     
 BEGIN
      OPEN C_ARCHIVE_NAMES;
      
      v_directory := directory;
      SYS.DBMS_BACKUP_RESTORE.SEARCHFILES(v_directory, ns);
 FOR each_file IN (SELECT fname_krbmsft AS name FROM XKRBMSFT) LOOP
     --DBMS_OUTPUT.PUT_LINE(each_file.name);
     
      FETCH C_ARCHIVE_NAMES INTO R_ARCHIVE_NAMES;
     
     ArmazenarXML (R_ARCHIVE_NAMES.FNAME_ARCHIVE);
     
     EXIT WHEN C_ARCHIVE_NAMES%NOTFOUND;
     
 END LOOP;
 CLOSE C_ARCHIVE_NAMES;
 END;
Esta é a procedure que efetua as inserções:

Selecionar tudo

CREATE OR REPLACE PROCEDURE ArmazenarXML (V_FILE IN VARCHAR2)AS
BEGIN
insert into custom_teste_xml (teste) values (xmltype(bfilename('DIRETORIO_TESTE', V_FILE),nls_charset_id('AL32UTF8')));
commit;
END ArmazenarXML;
Uma solução bastante simples, mas que deu bastante trabalho.

Apesar de ter obtido sucesso, fui alertado pelo diegolenhardt que este formato para visualizar os arquivos do diretório não é aconselhado pela Oracle. O melhor caminho seria utilizar JAVA SOURCE PROCEDURE.

Abraços
Responder
  • Informação
  • Quem está online

    Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 5 visitantes